Indígenas promovem manifestação em Barcelos

Para acelerar a demarcação das terras indígenas, buscar reconhecimento junto ao poder público municipal, a implantação de uma escola indígena diferenciada e discutir a situação da saúde nas aldeias, será realizado de amanhã, 01, até sexta-feira,03/07, a I Mobilização Geral dos Povos Indígenas do Médio e Baixo Rio Negro.. O evento acontecerá na cidade de Barcelos – distante de Manaus 396 quilômetros em linha reta-, promovido pela Associação Indígena de Barcelos – Asiba.

Uma manifestação pelas principais ruas daquela cidade encerrará o evento, conforme informou Maria Aparecida Dias (Tukano), presidente daquela organização. Ela explica que a mobilização resulta de vários desafios que preocupam os indígenas daquela região. "Estamos preocupados com a grande demora na identificação das terras indígenas", diz a presidente da Asiba.

Os indígenas do Médio e Baixo Rio Negro reclamam do incômodo causado pela presença em suas terras de pescadores comerciais, caçadores, trurismo de pesca e esportivo além dos serradores de madeira que tem aumentado consideravelmente.

"Nossa meta é fortalecer as organizações indígenas e, dessa forma, assegurarmos os direitos de nossas comunidades", disse Maria Aparecida.

Comments