CRIANÇA INDÍGENA DESAPARECIDA

Graziele Santos da Costa, de nove anos de idade, indígena do povo Mura, filha de Irdelândia Santos da
Costa, teria sido seqüestrada na última quarta-feira, 17/06, quando seguia para escola  Pedro Santarem Penalber, por volta das 12 horas, na cidade de Autazes (AM).  Minutos antes  de desaparecer um menino de 12 anos que estuda na mesma escola a viu subindo em uma árvore. Perto do local havia um veículo de cor preta em cujo interior estavam dois homens.

“A mochila e um calçado ficaram no chão, no local de onde ela foi levada”, informou Ediandra Mura, tia de Graziele.

Ao tomar conhecimento do ocorrido, familiares da criança registram ocorrência na Delegacia de Polícia de Autazes e no Conselho Tutelar.

Investigadores da Polícia Civil, Policiais Militares e Guardas Municipais foram mobilizados e iniciaram as buscas ainda na tarde de ontem.

“É como procurar uma agulha no palheiro”, disse uma investigadora da Delegacia de Polícia da cidade de Autazes. As buscas estão sendo feitas nos ramais, nas estradas e comunidades da região.

O caso está deixando intranqüila a população da cidade,  pois esse tipo de ocorrência não é comum, dizem os policiais. A área onde se concentram as buscas é muito extensa, entrecortada de rios e igarapés e de mata fechada.

Comments